compartilhe

Moacyr Luz & Samba do Trabalhador terá edição especial com participações de Zélia Duncan, Leila Pinheiro, Jards Macalé e Ana Costa, no feriado de 1º de maio, no Clube Santa Luzia.

O dia do trabalhador terá comemoração em dose dupla. Moacyr Luz & Samba do Trabalhador celebrarão 14 anos de serviços prestados ao samba e a cultura brasileira.  A edição especial de aniversário contará com as participações de Zélia Duncan, Leila Pinheiro, Jards Macalé e Ana Costa, em pleno feriado de 1º de maio, a partir das 18h, no clube Santa Luzia, Rio de Janeiro.

Consolidado na geografia cultural do país como polo de resistência da cultura brasileira, o Samba do Trabalhador foi fundado por Moacyr Luz em uma tarde de 2005. O nome de batismo da roda foi inspirado no dia de suas apresentações, todas as segundas-feiras, no Clube Renascença.  Ocorre que, ao contrário da maioria das profissões, as folgas dos músicos são sempre às segundas. Foi por isso que, há 14 anos, Moacyr viu nesta data uma oportunidade rara de reunir seus amigos do samba, que tem agenda lotada nos outros dias. O encontro casual virou patrimônio cultural, e hoje reúne milhares pessoas semanalmente, entre personalidades da cultura brasileira, músicos e anônimos. Em comum, todos fãs do verdadeiro samba de raiz. Hoje, o Samba do Trabalhador se tornou parada obrigatória para amantes da música brasileira. Com o passar dos anos o movimento ganhou contornos de resistência, por manter vivas as tradições do samba e as pautas sociais em versos e acordes.

ENDEREÇO

Avenida Almirante Sílvio de Noronha, 300 Clube Santa Luzia - Centro
Rio de Janeiro - RJ
20021-010

horário de
Funcionamento

Quarta-feira, a partir das 18h.

Envie por email

Enviando mensagem...