compartilhe

Após o sucesso de sua estreia em 2015, o “Festival Choro na Gamboa” chega a sua segunda edição apresentando um panorama nacional do gênero, com uma programação eclética de artistas vindos de diversas partes do país

Mais uma vez sob a curadoria de Yamandu Costa, referência mundial do estilo musical, o festival vai acontecer de 21 a 23 de julho, no pilotis do Museu de Arte do Rio (MAR), com entrada franca. Esse ano, o evento também vai prestar uma homenagem ao bar Semente, reduto do choro carioca, reunindo em um só dia os principais músicos que tocam por lá.

Em 2016, a proposta é mostrar as diversas levadas do choro através de nomes que são referência do gênero ao redor do Brasil. Já no primeiro dia o público poderá conferir essa versatilidade com as apresentações do baiano Armandinho, mestre da guitarra baiana; do dueto formado pelo sanfoneiro pernambucano Mestrinho e o violinista francês, Nicolas Krassik que se identificou com a cultura brasileira logo no primeiro contato; além do grupo “Luzeiro”, inspirado na riqueza do universo das bandas de coreto.

Com entrada gratuita, o evento acontecerá no pilotis do MAR, que fica localizado na Praça Mauá e é um dos símbolos da revitalização que a região e a cultura carioca vem passando, sendo cenário perfeito para os amantes do choro curtirem essas três noites dedicadas ao gênero.

O projeto é uma realização do Ministério da Cultura. A produção é da D+3 Produções, Coprodução do MAR e patrocínio da Rider.

 

PROGRAMAÇÃO

21/07
Luzeiro
Mestrinho
Nicolas Krassik
Armandinho

22/07
Nó Em Pingo D’Água
Água de Moringa
Orquestra Criôla
Léo Gandelman

23/07
Zé Paulo Becker
Semente Choro Jazz
Gabriel Grossi
Ronaldo do Bandolim
Marcos Sacramento

ENDEREÇO

Praça Mauá, 05 - Museu de Arte do Rio - Centro
Rio de Janeiro - RJ

+55 21 3031 2741

horário de
Funcionamento

18h às 22h.

Próximo ao Museu de Arte do Rio:

Envie por email

Enviando mensagem...