compartilhe

Lenda do jazz chega ao Rio em novembro.

O lendário pianista e compositor Herbie Hancock é parte integral de todos os movimentos de música popular desde a década de 1960. Em sua sexta década de carreira, Herbie Hancock permanece onde sempre esteve: na vanguarda da cultura mundial, tecnologia, negócios e música. Como membro do Miles Davis Quintet, pioneiro de um som inovador em Jazz, ele também desenvolveu novas abordagens em suas próprias gravações, seguido pelo seu trabalho nos anos 70 – com álbuns recordistas como Headhunters– que combinava jazz elétrico com funk e rock em um estilo inovador que continua a influenciar a música contemporânea. Rockit Future Shockmarcaram a incursão de Hancock nos sons de dance eletrônico; durante o mesmo período, ele continuou a trabalhar em um ambiente acústico com a V.S.O.P., que incluiu ex-colegas do Miles Davis Quintet: Wayne Shorter, Ron Carter e Tony Williams.

O pianista tem um ótimo relacionamento com o Brasil, que inclui diversas visitas ao país e parcerias musicais com artistas como Milton Nascimento (eles tocaram juntos no Dia Internacional do Jazz 2013, em Istambul) e Céu (ela é uma das estrelas do grupo que participou da gravação do aclamado The Imagine Projecte abriu seu show no Credicard Hall, São Paulo, em 2013).  Em 2010, Hancock lançou o aclamado CD Herbie Hancock’s The Imagine Project, vencedor de dois prêmios Grammy. Usufruindo da linguagem universal da música para expressar temas centrais como paz e responsabilidade global, o projeto “Imagine” foi gravado em diversas partes do mundo, com participações especiais dos músicos Jeff Beck, Seal, Rosa, Dave Matthews, The Chieftains, Lionel Loueke, Anoushka Shankar, Chaka Khan, Céu, entre outros.

Fora dos palcos e dos estúdios, Hancock também mantém uma carreira de sucesso. Recentemente nomeado pela Filarmônica de Los Angeles como responsável pelo Jazz, ele também é presidente do Thelonious Monk Institute of Jazz, a principal organização internacional dedicada ao desenvolvimento do jazz e da educação em todo o mundo. Além disso, Hancock é um dos fundadores do “Comitê Internacional dos Artistas para a Paz” e recebeu o título de “Commandeur des Arts et des Lettres” do primeiro-ministro francês, François Fillon. Em julho de 2011, Hancock foi designado “Embaixador da Boa Vontade” da UNESCO. Em honra a seu trabalho, foi premiado com o Grammy Lifetime Achievement Award em fevereiro de 2016. Hancock está, atualmente, trabalhando em seu estúdio para um novo álbum.

Com uma ilustre carreira de seis décadas e mais de 14 Grammy® Awards, incluindo Álbum do Ano por River: The Joni Letters (2007), Hancock continua a encantar as audiências ao redor do mundo e está voltando ao Brasil para mostrar todo seu talento.

 Ingressos: R$ 70 a R$ 42

ENDEREÇO

Avenida Ayrton Senna, 3000 , KM de Vantagens Hall - Via Parque - Barra da Tijuca 
Rio de Janeiro - RJ
22775-904

horário de
Funcionamento

Segunda-feira, às 21h30.

Envie por email

Enviando mensagem...