compartilhe

Wanda Sá, Gilson Peranzzetta e Mauro Senise celebram os 60 anos da bossa nova em 14 de março, no Teatro Riachuelo.

A cantora Wanda Sá, o maestro e pianista Gilson Peranzzetta, responsável pelos arranjos e pela direção musical do espetáculo, e o saxofonista e flautista Mauro Senise vão cruzar instrumentos para celebrar as seis décadas da bossa nova dentro do projeto ‘Música das 7’. Será no dia 14 de março, às 19h, no Teatro Riachuelo, Centro do Rio, onde funcionou por décadas o extinto Cine Palácio. Ingressos a R$ 60.

Wanda Sá tem total intimidade com essa obra. Como escreveu o jornalista Hugo Sukman: “Muita gente, no Brasil e no mundo, faz ou mesmo é bossa nova. Mas só Wanda Sá é bossa nova mesmo. Ou melhor, é bossa nova em todas as suas dimensões: fez parte do movimento, tendo lançado clássicos como ‘Inútil paisagem’, dado por Tom na ocasião que gravou seu primeiro disco e ‘Vagamente’. Além de ser protagonista da capa mais bossa nova que existe, a do LP ‘Wanda vagamente’ (1964), no qual caminha pela areia da praia arrastando seu violão, numa incrível imagem-síntese”.

O roteiro puxa a sardinha para a obra jobiniana com parceiros e inclui aqueles clássicos que navegaram nas águas tranquilas do gênero musical carioca, como “Wave” e ˜Vivo sonhando” (Tom Jobim), “Samba de uma nota só” (Tom e Newton Mendonça), “Janelas abertas”, “Só danço samba”, “Água de beber” e “Garota de Ipanema” (Tom e Vinicius de Moraes), uma das músicas brasileiras mais regravadas no planeta.

Com patrocínio do Opportunity e da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro através da Secretaria Municipal de Cultura pelo Programa de Fomento à Cultura Carioca, o ‘Música das 7’ também é uma homenagem ao legendário ‘Projeto Seis e Meia’, que completou 40 anos em 2017.

Ingressos : R$25 (meia) a R$30 (meia)

 

ENDEREÇO

Rua do Passeio, 38/40 - Teatro Riachuelo - Centro
Rio de Janeiro - RJ

horário de
Funcionamento

Quarta às 19h

Envie por email

Enviando mensagem...